27 de jun de 2011

Fim do LulzSec não significa fim dos ataques

LulzSec abandona o nome, mas se prepara para novas ações ao lado dos Anonymous.

No último sábado, o grupo de hackers LulzSec, que atacou diversos sites de corporações e agências governamentais nos últimos 50 dias, anunciou seu fim.

Em mensagens postadas no Twitter neste sábado (25/6), membros do Lulzsec disseram que haviam cumprido a sua missão. Os tuítes, que foram postados após a publicação de cerca de 400 megabytes de dados hackeados do provedor de internet AOL, também afirmavam que o grupo apenas havia abandonado o seu apelido. "Queremos esclarecer de novo: Ninguém está se escondendo, apenas um nome foi abandonado para a glória ainda maior do #AntiSec", dizia o tuíte postado pela conta dos @AnonymousIRC.

O site acredita que o LulzSec já atraiu muita atenção e, por isso, seria mais seguro se eles se misturassem com o Anonymous, um grupo bem maior e mais estabelecido. Aparentemente, novos ataques a grandes corporações e agências governamentais devem acontecer em breve. Isso porque os Anonymous postaram mensagens que indicavam que eles estariam se preparando para outras ações.

Analistas acreditam que o fim do grupo está relacionado com a prisão de um suposto membro do LulzSec, um jovem britânico de 19 anos que foi detido pelas autoridades locais na semana passada, acusado de ser responsável pelos ataques contra a Sony. Mas o LulzSec desmente qualquer relação com o inglês.

Fonte: Não Interessa

Nenhum comentário:

Postar um comentário